Uma palavra de esperança

“Desde o nascimento do sol até ao ocaso, seja louvado o nome do Senhor.”Salmos 113:3

Meus queridos, o salmista aqui, ele leva o povo a uma experiência de louvor a Deus.

Mas um louvor que não era circunstancial, era o louvor Profético. Porque esse louvor teria início no nascimento do sol e permaneceria enquanto sol brilhasse e continuaria mesmo depois do sol se pôr.

O calor do sol

Muitas vezes, o sol, ele traz o seu calor, a fadiga, por que o sol vai nos falar em dados momentos das provas que vivemos, dos momentos difíceis, da calamidade, do momento do fastio e nós estamos vivendo isso hoje.

Estamos vivendo uma quarentena, uma calamidade, em um momento em que o sol está por vezes nos cansando, mas o louvor Profético da Igreja Fiel, ele não está limitado ao pôr do sol.

O sol começou, a prova começou, a quarentena começou, a Igreja está louvando. A prova está tendo seu desenvolvimento, a Igreja louva.

A prova vai passar, a quarentena vai passar e a Igreja continuará louvando o Nome do Senhor.

A Igreja louva

Então, o louvor não é apenas quando a prova acaba, mas o louvor, a prova surgiu? A Igreja louva.
A prova tem o seu ápice, o seu auge, a Igreja está louvando, quando a prova terminar a Igreja louva também.

Do nascer do sol ao seu ocaso, louvado seja o Nome do Senhor, porque o louvor Profético é o louvor de uma Igreja de sabe que a prova começa, a prova termina e em todas as coisas o Nome do Senhor é glorificado do no meio da Igreja.

Com isso, meus queridos, nós encerramos esta madrugada deixando aqui esta Palavra de louvor, de gratidão!

Palavra de Esperança: Pastor Ricardo Bravim


botaodownload
Link de DOWNLOAD para Usuários Premium
Faça login!

Mais conteúdo

Ester 4:16 – Se perecer, pereci

A Quarta Trombeta – Culto das Senhoras

Atos 16: 25 – A vigília da meia-noite

Porque dele, e por ele, e para ele, são todas as coisas – Romanos 11:36

A tamargueira do deserto – Jeremias 48:6

Profeta Jonas – Mateus 16:17

Seu nome é Maravilhoso – Isaías 9:6,7

Oséias capítulo 3

Amós 8:11 – Eu tenho fome!

Quem poderá compreender o trovão do seu poder?

Convite ao arrependimento – Jeremias 7:1-4

Vai bem a tua alma – 3 João 1:2

O Espírito e a Esposa dizem: Vem – Apocalipse 22:17

Eclesiastes 7:11 – A Bênção do Senhor

8a Aula – Louvor (Meios de Graça) – AP. 15:3 e 4

A quarta trombeta – Apocalipse 8:12-13

A Obra Criadora

É Preciso valorizar a Benção do Senhor