Jesus perante Pilatos – Mateus 27:11-24

JESUS PERANTE PILATOS

Mateus 27: 11-24

INTRODUÇÃO

Os quatro Evangelhos foram escritos e destinados a povos específicos, e apresentam o Senhor Jesus com quatro características diferentes:

  1. O Evangelho de Mateus foi escrito aos Judeus e apresenta Jesus como Rei;
  2. O Evangelho de Marcos foi escrito aos Romanos e apresenta Jesus como Servo;
  3. O Evangelho de Lucas foi escrito aos Gregos e apresenta Jesus como Homem Perfeito; e
  4. O evangelho de João foi escrito a todo o mundo e apresenta Jesus como Filho de Deus.

DESENVOLVIMENTO

Pilatos foi um homem que teve um dos maiores privilégios, e a maior oportunidade que alguém poderia ter de conhecer o Senhor Jesus com profundidade. No entanto, ele não soube aproveitar esta oportunidade. Sua mulher até falou-lhe de um sonho que tivera com o Senhor Jesus, dizendo que tivesse cuidado com o que ia fazer com Ele, mas nem isso ajudou a Pilatos a receber uma bênção para sua vida.

Na conversa que teve com Jesus, Pilatos reconheceu que Ele era:

  1. Rei – Mateus 27: 11
  2. Servo – Mateus 27: 14
  3. Homem Perfeito – Mateus 27: 24

Pilatos só não reconheceu que Jesus era Filho de Deus, por isso o entregou para ser torturado e depois crucificado pelos soldados romanos. Pilatos não fez caso do Senhor Jesus; ele o ignorou e rejeitou, e depois lavou as mãos diante da multidão, querendo dizer com isso que estava inocente do sangue e do destino que ele mesmo deu ao Salvador da humanidade.

No entanto ele foi conivente e culpado pela morte do Senhor, juntamente com os religiosos de Jerusalém e a multidão que pediu a sua crucificação e mandou que Barrabás fosse posto em liberdade.

Quando o homem tem a oportunidade de conhecer Jesus, e não o reconhece como Filho de Deus, enviado para dar sua vida em sacrifício pelos nossos pecados, mesmo que o veja como Rei, Servo de Deus ou alguém que nunca pecou, ele termina por rejeita-lo, não o recebendo em seu coração como Salvador.

CONCLUSÃO

Um dia Jesus perguntou aos discípulos o que eles diziam a respeito dele, e Pedro respondeu: “Tu és o Cristo, o Filho de Deus vivo”. Depois deste reconhecimento, Jesus disse que Pedro era bem-aventurado, pois ele havia alcançado a revelação de que Jesus era o Filho de Deus.

Muitos hoje em dia têm tido a oportunidade de conhecer o Senhor Jesus, mas continuam agindo como Pilatos, que viu nele apenas uma pessoa majestosa, humilde e inocente, mas não o viu como Filho de Deus; e para alcançar a salvação e a vida eterna o homem precisa crer e abrir o coração para o Filho de Deus, como fizeram Natanael, Tomé e um dos ladrões que foram crucificados com Jesus.


botaodownload
Link de DOWNLOAD para Usuários Premium
Faça login!

Mais conteúdo

Vê, nas palmas das minhas mãos te gravei – Isaías 49:14-16

Jesus paga o tributo – Mateus 17:24-27

O naufrágio de Paulo – Atos 27: 41-44(

Isaías 53:7 – O Sangue fala

Conhecer a revelação – Atos 8:26-30

Os companheiros de Paulo e Silas – Atos 16:25-26

Carta à Igreja de Sardes – Apocalipse 3:1-6

O arrebatamento da Igreja – Mateus 24:37-39

Será doce como o mel – Apocalipse 10:8-11

Simbologia do Tabernáculo – Cortinas, as colunas entrada

Vai bem contigo? – II Reis 4:26

Salvação, um resgate para a vida – Isaías 49:9-10

A semente do Evangelho de Jesus Cristo – Gálatas 1:11-12

Os lavradores maus – Mateus 21:33-40

Apocalipse 3:5 – O que vencer


Gostou? Então compartilhe

Deixe um comentário