O CHAMADO DE JESUS

Texto: Marcos 1:14-20

Propósito Geral: Consagração

Propósito específico: Conduzir o crente a uma disponibilidade para o serviço de Cristo.

INTRODUÇÃO

Os crentes dizem que são chamados para serem seguidores de Jesus.

Chamados por quem? Ninguém pode chamar a si mesmo (Jo 15:16). Jesus é quem chama e vocaciona seus discípulos.

TRANSIÇÃO: Para ser chamado por Jesus são necessárias três condições básicas.

I – JESUS CHAMA PARA O ARREPENDIMENTO E A FÉ – v. 14-15

Não há caminhada cristã sem esse primeiro passo do homem. Não há nem mesmo cristianismo. Para ser discípulo de Jesus é necessário arrependimento e fé, o que constituem a condição essencial para a salvação. Arrependimento não é simplesmente pedir desculpas a Deus. É um abandono das práticas e hábitos que separam o homem de Deus. Na linguagem militar da época de Cristo, a palavra arrependimento significava “voltar às costas para o caminho que se estava seguindo e seguir outra direção”. É mudança de pensamento em relação a Deus e ao pecado.

Fé é mais do que simplesmente assentimento intelectual. É mais do que conhecer os fatos da vida de Jesus. Crer é viver na prática de buscar primeiro o reino de Deus e a sua justiça (Mt 6:33). É pela fé que temos acesso à graça de Deus (Rm 5:2-3). É pela graça de Deus que vivemos (Rm 1:16-17). Arrepender-se e crer são os maiores desafios do discípulo de Cristo. Sem fé e arrependimento não há discípulo.

II- JESUS CHAMA PARA UMA VIDA DE SERVIÇO – v. 17

A vida cristã não é só contemplar a presença divina no monte. É também o serviço no vale onde há sofrimento, dúvida, opressão.

Quando estamos no santuário divino devemos ter a convicção de que entramos para adorar. Quando saímos devemos ter a mesma convicção. Saímos para servir aos nossos semelhantes. Não há vida cristã significativa sem serviço. A convocação de Jesus é para uma vida de serviço a Ele em primeiro lugar e depois aos homens (Lc 5:1-11).

Não é uma simples tarefa ir e aplicar o plano de salvação. Jesus nos convoca para resgatar o homem perdido.

III – JESUS CHAMA PELA DISPONIBILDADE – v. 18-20

Não adianta ser capaz e não estar disponível. Muitas pessoas consideradas incapazes acabam realizando uma obra perene e vitoriosa que os considerados capazes.

A chamada dos primeiros discípulos de Jesus mostrou ser essa verdade (II Co 2:16). Imediatamente seguiram a Jesus. Disponibilidade não é ociosidade, mas prontidão e disposição para o serviço. Jesus não chama desocupados. Chama os que estão de prontidão para o serviço de transmitir as boas novas da salvação.

CONCLUSÃO

Os primeiros discípulos deram prova de fidelidade à chamada.

Alguns passaram por fraquezas e dúvidas. Outros morreram por causa do seu chamado (At 12:1). A chamada de Jesus é para ser levada a sério. A chamada é para todos os crentes com a missão de proclamar o Evangelho.