Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views :
img

Neemias 4:17-18 – As armas dos Edificadores

Tema: AS ARMAS DOS EDIFICADORES

“Os que edificavam o muro, os que traziam as cargas e os que carregavam, cada um com uma das mãos fazia a obra e na outra tinha as armas. E os edificadores cada um trazia a sua espada cingida aos lombos, e edificavam; e o que tocava a trombeta estava junto comigo.”
Neemias 4:17 e 18

INTRODUÇÃO

Uma coisa que observamos naquele momento em que estava sendo realizada uma grande obra, é que percebemos Neemias faz questão de frisar que os edificadores em todo tempo estavam com uma mão edificando os muros e com outra tinham as armas.

Por que eles tinham essa posição? Porque haviam inimigos, havia uma oposição e eles precisavam estar vigilantes contra qualquer ataque.

DESENVOLVIMENTO

Meus irmãos, nossa vida espiritual tem 2 preocupações, 2 atenções que precisam ser observadas por nós, edificadores.

A preocupação de servir, em que somos trabalhadores, que servimos, que realizamos uma grande obra, que somos edificadores, pois quando assistimos na igreja estamos sendo usados por Deus para reconstruir vidas. Mas temos também uma outra preocupação que é a de nos defendermos, de vigiarmos, pois o inimigo das nossas almas tem investido.

Do que adiantaria aos edificadores apenas estarem preocupados com os muros e esquecerem as defesas? Do que adianta você ser um “trator” na Obra e não vigiar? Não orar, não jejuar, não fazer uso das armas espirituais. É um perigo.

Por isso muitos ficaram no caminho, eram dedicados, tinham alegria em servir a Deus, mas esqueceram de usar as armas, as armas não estavam nos lombos.

Os edificadores tinham esta posição: Trabalhar e arma nos lombos.

Nós temos a mesma posição profética: Realizamos a Obra, mas temos também uma vida espiritual e precisamos cuidar dela, precisamos vigiar.

“…o que tocava a trombeta estava junto comigo…”
Você toca a trombeta? Você anuncia o Maranata! ao mundo? Se você prega, você toca a trombeta. Se você canta, você toca a trombeta. Se você está realizando esta obra, você está tocando a trombeta.

O que toca a trombeta precisa estar junto de Jesus, se relacionar com Ele.

CONCLUSÃO

Qual é a nossa posição como edificadores? Estamos só olhando para os muros e esquecendo as armas? Estamos trabalhando e esquecendo que temos uma vida espiritual?

Não esqueça de usar as armas. Você é um edificador e precisa cuidar da sua vida espiritual. A posição do edificador é trabalhar no muro e ter a arma nos lombos.

Bruno Rocha
Maceió/AL

Gostou? Então compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • Pinterest
  • Buffer

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This div height required for enabling the sticky sidebar