Pular para o conteúdo

Salmo 13:6 – Cantarei ao Senhor


Cantarei ao Senhor – Pregação

Esboço de Pregação em Salmo 13:6  “Cantarei ao Senhor, porquanto me tem feito muito bem”.

Introdução de Salmo 13:6

A Bíblia é recheada de histórias que nos trazem ensinos maravilhosos da parte do Senhor Deus, para todas as idades e campos da nossa vida.

A história de Davi é fascinante: um rei, mas que soube ao mesmo tempo, ser também um verdadeiro servo de Deus; e que expressou neste salmo um louvor de gratidão e dependência do Senhor, demonstrando a alegria da sua alma, sentimento este que brotou em seu coração em virtude de tudo aquilo que Deus fez em sua vida.

Davi, ao compor este salmo, estava falando acerca do cântico ao Deus Vivo, que é digno de todo o louvor e de toda a adoração.

Desenvolvimento

Então Davi inicia este versículo, dizendo:

CANTAREI

Há na ALMA daqueles que foram alcançados pela Graça salvadora, um louvor Àquele que na cruz a remiu do poder da morte; louvamos com alegria ao Senhor JESUS, que morreu ao nosso favor, mas ressuscitou e está vivo para todo o sempre, e que breve voltará para nos levar para a Sua eternidade.

AO SENHOR

Este é o nosso reconhecimento, ou seja, JESUS é o único Senhor Soberano das nossas vidas; a Ele servimos, obedecemos, adoramos e amamos.

PORQUANTO ME TEM FEITO MUITO BEM

Davi fala aqui dos feitos do Senhor em sua vida, das operações que Deus realizou ao Seu favor, pois apesar de rei e detentor de todo poderio terreno, Davi reconhecia que nada seria e nem alcançaria as vitórias no seu reinado sem o Se nhor dos Exércitos em sua vida.

Deus não muda, é o mesmo de eternidade a eternidade, e continua manifestando o Seu poder na vida daqueles que O servem, fazendo viver milagres e maravilhas na Sua presença, de gerações a gerações.

Ao falar dos feitos do Senhor em sua vida, Davi estava afirmando que tinha experiências grandiosas com Deus.

Exemplos:

– a vitória impossível de ser vencida sobre o gigante Golias: enquanto todo o exército de Israel o temia, Davi se dispôs a enfrentá-lo sozinho (sendo ainda um jovem) e em Nome do Senhor dos Exércitos;

– as vitórias sobre o urso e o leão;

– as inúmeras guerras e batalhas vencidas sobre os inimigos. E Davi então concluiu sua gratidão a Deus:

ME TEM FEITO MUITO BEM

Davi finaliza de forma maravilhosa a sua adoração a Deus, com um advérbio de intensidade: “muito bem”, para relatar o que Deus fizera por ele.

Davi, se não tivesse intimidade com Deus, poderia dizer simplesmente que Deus lhe fizera “bem”, mas ele buscou usar uma expressão que melhor retratasse aquilo que foi a sua vida com o Senhor; por isso, a expressão: “muito bem”.

Como é maravilhoso ver que Davi, embora tenha vivido suas lutas, passado angústias dentro e fora de seu lar, decepções, perdas de entes amados, sofrido traições e perseguições, dentre outras situações difíceis, ele não atribuiu culpa alguma a Deus, e sim reconheceu que o Senhor havia lhe feito “muito bem”.

A CADA ANO que FINDA e que se INICIA, é importante analisarmos para reconhecer que na somatória das coisas que vivemos, se formos avaliar por inteiro, chegaremos à mesma conclusão de Davi, ou seja: que O Senhor tem feito “muito bem” a todos nós.

PODERIA ATÉ SURGIR ALGUMAS PERGUNTAS

1. Por que chegamos a esta mesma conclusão e declaração de Davi?

2. Em que consiste esse “muito bem”?

3. E por que podemos dizer que esse bem que Deus nos tem feito é imensurável?

A RESPOSTA É UMA SÓ E MUITO SIMPLES, NÃO HÁ OUTRA RESPOSTA

Porque o DEUS VIVO nos tem dado tudo aquilo que vai além do nosso mérito ou merecimento.

Ele tem feito “muito bem” à nossa ALMA, nos concedendo as maiores riquezas em meio a um mundo de tantas adversidades e embates diários:

Deus tem nos dado a riqueza da Sua PAZ, SEGURANÇA, LIVRAMENTOS, CONSOLO, VITÓRIAS ESPIRITUAIS E NA VIDA SECULAR, ALEGRIA VERDADEIRA, SALVAÇÃO, VIDA ETERNA, e isso tudo encontramos somente na presença do Senhor JESUS, Aquele que é o único motivo do nosso louvor, porque só Nele temos o “muito bem” de Deus.

Por isso que Davi enfatiza antes, no versículo 5, acerca da sua confiança e alegria em Deus: “Mas eu confio na tua benignidade; o meu coração se regozija na tua salvação.”_

Conclusão de Salmo 13:6

Todos que têm experimentado o “muito bem” de DEUS em suas vidas, tem feito como Davi: trazem em seus lábios e em seus corações um louvor de exaltação ao Nome de um Senhor que vive e reina: JESUS, o “muito bem” e dádiva que Deus tem nos dado!

Por isso sempre cantaremos, dizendo: O SENHOR TEM NOS FEITO MUITO BEM.

Esboço de Pregação em Salmo 13:6  “Cantarei ao Senhor, porquanto me tem feito muito bem”.


botaodownload

Mais Esboço de Pregação



Alguma dúvida?