O enigma de Sansão – Juízes 14:12-14

O juiz no Velho Testamento também tinha a função de libertar o povo. Dentre os doze, dois se destacaram como libertadores. São eles: Sansão e Gideão.

Sansão

Ele diz aos seus convidados: Eu vos darei um enigma a adivinhar; e, se nos sete dias das bodas mo declarardes e descobrirdes, vos darei trinta lençóis e trinta mudas de vestidos… Então lhes disse: Do comedor saiu comida, e doçura saiu do forte. E em três dias não puderam declarar o enigma. ( Jz. 14:12 a 14 )

O mundo não conhece o grande enigma da morte e ressurreição de Jesus ao terceiro dia.

E a mulher de Sansão chorou diante dele os sete dias em que celebravam as bodas. Sucedeu, pois, que ao sétimo dia lho declarou, porquanto o importunava. (14:17)

Estes sete dias falam do período da Igreja no mundo. Nós devemos estar preparados para o casamento. Sansão, que é tipo do Espírito Santo, conta para a sua esposa o segredo porque ela chorou o tempo todo, durante os sete dias. Imagine a situação, ele, na festa do seu casamento, e a sua mulher chorando sem parar porque ele não queria revelar o enigma para ela.

Assim que soube o segredo, ela foi contar para os homens daquela cidade e antes do pôr-do-sol do sétimo dia eles vieram declarar o enigma a Sansão: Que coisa há mais doce do que o mel? Que coisa há mais forte do que o leão? (14:18)

Onde está o segredo nesta frase?

O segredo é a doçura da morte de Jesus e a fortaleza da sua ressurreição. Nada é mais doce que a morte de Jesus e nada é mais forte do que a sua ressurreição. Quem é que iria descobrir esse mistério lá no Velho Testamento? Ninguém, mas Sansão, símbolo do Espírito Santo ali, fendeu o leão como se fosse um cordeiro.

O Espírito Santo entendeu Jesus assim, o Cordeiro de Deus, o Leão da tribo de Judá, morto na cruz do Calvário. Mas a sua morte trouxe vida para Sansão, era preciso dar o que estava dentro dele e o que Ele tinha dentro de si era o Espírito Santo que foi dado à Igreja.

Então Sansão lhes disse: Se vós não lavrásseis com a minha novilha, nunca teríeis descoberto o meu enigma. (14:18)

Quem não combina, quem não compõe com a Igreja Fiel (novilha), não descobre segredo nenhum porque é a Igreja que está aos pés de Jesus, chorando dia e noite para saber o mistério, que é a revelação de Jesus e a revelação está sendo dada nesta última hora.

Nem por força nem por violência

Aqueles homens haviam dito à mulher de Sansão: Persuade a teu marido que nos declare o enigma, para que porventura não queimemos a fogo a ti e à casa de teu pai. (14:15)

Ninguém descobre o enigma do Senhor à força, de qualquer jeito, nem na carne, nem na ameaça, nem na razão, nem no raciocínio, nem na sabedoria humana, nem na letra da Bíblia porque o enigma só é decifrado por aquele eu estiver compondo com a Igreja porque ela está chorando dia e noite, aos pés do Senhor e pedindo: Revela-te, Senhor, ao teu povo. Quem fizer isto, não recebe a bênção.

Pensar que a bênção vai cair assim: Hi! Caiu. Pronto, está cheio de bênção. Não é nada disso não, tem que estar ali, dia e noite, pedindo sempre, com lágrimas e súplicas: Senhor, manda mais poder. É sempre mais porque a carreira cristã é isso mesmo.


botaodownload
Link de DOWNLOAD para Usuários Premium
Faça login!

Mais conteúdo

As seis Marias no Novo Testamento

O movimento dos lábios de Ana – 1 Samuel 1:9-15

A libertação do Senhor – Isaías 49:25

E houve uma longa guerra – II Samuel 3:1

Isaías 38:17 – Abraçaste a minha alma

Preciosa é a morte dos seus Santos – Salmos 116:15

A última Igreja Fiel no Livro de Rute – Rute 1:1-5

Carta à Igreja de Éfeso – Apocalipse 2:1-7

O grito da alma aflita – Mateus 15:25

O Senhor é nossa Fortaleza – Salmos 46:1

Amor forte como a morte – Cantares 8:6

O Louvor da Igreja Fiel – Apocalipse 15:3-4

A Rainha do Norte – I Reis 10:1-13


Gostou? Então compartilhe

Deixe um comentário