O BATISMO NAS ÁGUAS Mateus 28: 19

 

O SIGNIFICADO DO BATISMO NAS ÁGUAS E SUAS

CONSEQUÊNCIAS NA NOSSA VIDA.

 

  • O Batismo é uma identificação com a morte e a ressurreição de Jesus (Rom 6: 5).
  • O Batismo é um sinal de que se pertence à igreja e de que se é membro dela (At 8: 36-39). A partir daí o servo em comunhão, já pode participar da santa ceia.
  • É um testemunho diante de todos, de que morremos para as coisas velhas que vivíamos no mundo, para um nova vida na presença do Senhor. Se a graça de Deus foi derramada sobre nós, precisamos ser transformados e andar segundo esta graça, deixando todo o pecado (Rom 6: 1- 4).
  • Somente aqueles que foram convencidos pelo Espírito Santo e tiveram essa experiência de novo nascimento, estão preparados para o batismo nas águas. Os que querem por mera empolgação ou sentimentalismo, não podem ser batizados. Os que ainda estão presos às coisas do mundo (vícios, usos e costumes mundanos), inseguros ou em dúvida, também não podem. É melhor esperar.
  • O Batismo é para aqueles que estão dispostos a ser fiéis, a viver em santificação e obediência ao Senhor. É para os que querem uma separação deste mundo e desejam ardentemente a eternidade. É necessário que a nossa vida esteja ajustada diante do Senhor e diante das pessoas também. Se há alguma coisa do mundo a nos prender, se estamos comprometidos com a vida antiga que vivíamos, não estamos prontos para o batismo.
  • As águas do dilúvio foram a forma como Noé e sua família passaram de uma vida e  de um mundo velho, para uma nova vida e um mundo novo (I Pe 3: 20, 21).

 

Gostou? Então compartilhe

Deixe um comentário