O jugo da juventude – Lamentações 3:27

O JUGO NA JUVENTUDE

SUGESTÃO DE ESTUDOS PARA OS JOVENS

Lamentações 3:27 “Bom é para o homem suportar o jugo na sua juventude.”

 

INTRODUÇÃO

A bíblia nos fala aqui que o jugo na juventude. Podemos dizer que a juventude tem um jugo? Sim. Podemos. Mas não da parte de Deus, mas por estar num mundo onde o pecado impera e onde a vida é cheia de anseios.

DESENVOLVIMENTO

A palavra jugo, no hebraico, é “môt”, que é uma peça de madeira que serve para emparelhar dois animais para o (1) mesmo trabalho. Era proibido prender sob o mesmo jugo dois animais de espécie (2) diferentes. Jugo, portanto, era uma espécie de disciplina para os animais.

Também poderia significar (3) medida agrária equivalente ao que podia um par de bois lavrar num dia (Ex.: Hoje fizemos uma boa lavoura de 5 jugos).

O JUGO NA JUVENTUDE

Assim também existe no mundo um jugo sobre a juventude, onde estão no (1) mesmo ambiente (escolha, trabalho, família, etc), com os mesmos anseios da vida (preocupações e os sonhos), o jovem que serve a Deus e o que não serve. Um em santificação, o outro em pecado. Mas no (1) mesmo ambiente

É neste cenário que vive os jovens que servem a Deus, onde tem que conviver com um pensamento, uma influência que impera na juventude deste mundo. Está aí a luta para ser (2) diferente. Pois para o mundo o jovem para ser aceito tem que ser igual.

Para o mundo o mundo também é importante que se faça algo relacionado a carne para se ser aceito. Quanto mais pecado o homem coleciona, mais aceito ele é na vida social imposta pelo mundo. O pecado torna-se então uma (3) medida de valor.

O ARGUMENTO DO ADVERSÁRIO

Havia em Roma um lugar chamado Sororium Tigillum. Ali aconteciam alguns atos terríveis de humilhação. Havia uma trave de madeira, era usada para obrigar os condenados a passar por baixo, sob brados da plateia. Essa prática, era terrível, mas só assim aquele condenado poderia voltar a coletividade social.

Quando os exércitos eram vencidos, eram obrigados a passar embaixo do jugo dos vencedores. É famoso o caso do exército Caudino que subjugou o exército romano, humilhando seus soldados com a passagem pelo jugo.

 

Diante deste jugo que há na juventude, o adversário tem argumentos para enganar o jovem. O mesmo argumento que ele usou para enganar a serpente é ainda hoje usado como um jugo para enganar o jovem para leva-lo a desobediência.

O argumento é: “VOCÊ NÃO VAI MORRER”, ou  seja, “ISSO AQUI NÃO TEM NADA DEMAIS” , “VOCÊ PODE FAZER ISSO E CONTINUAR SERVINDO A DEUS”.

Hoje existe uma busca do homem por uma liberdade para dirigir a sua vida, mas o homem não sabe discernir o que é o bem do mal, pois somente o Espírito Santo estando presente em sua vida pode dirigi-lo mostrando todas as coisas.

No meio da juventude principalmente. O jovem quer ser livre, viver a juventude. Isso lhe dá uma falsa sensação de poder e de achar que sabe discernir entre o bem e o mal. É o mesmo argumento usado pela serpente no Éden.

“Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.” Gênesis 3:5

BOM É PARA O HOMEM SUPORTAR O JUGO NA SUA JUVENTUDE

  • Quando José se vê diante daquela cilada sendo colocada pelo adversário através da mulher de Potifar, ele define a sua vida em uma frase suportando assim o jugo na juventude:

“…como pois faria eu tamanha maldade, e pecaria contra Deus?” Gênesis 39:9b

  • Davi sabia que teria uma grande luta com Golias. Golias usa vários argumentos em I Samuel 17:
  1. “…o desprezou…”: O filisteu desprezou a fé e a postura de Davi; O mundo despreza o fiel a Deus. Esse é o argumento usado pelo inimigo para desviar o jovem do projeto de salvação. Ninguém suporta desprezo. Você será desprezado;
  2. “…sou eu algum cão, para tu vires a mim com paus?…” : Para o filisteu, ninguém poderia derrota-lo. Nada o assustaria. Para o adversário, nada é superior a proposta do pecado. Nada o intimidará. Não há como recusar. O homem natural não tem como enfrentar a proposta tão forte como o pecado;
  3. “…e darei a tua carne às aves do céu e às bestas do campo.”: O filisteu intimida Davi dizendo que ele não vai vencer. O filisteu deu ênfase a carne. Ele iria atingir a

Mas a vitória de Davi foi porque ele usou a palavra de Deus e venceu:

“Davi, porém, disse ao filisteu: Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; porém eu venho a ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado.” I Samuel 17:45

Assim é o jovem quando obedece a palavra de Deus, quando a usa para vencer o pecado.

  • Quando Daniel estava na Babilônia estava sob o jugo do rei Babilônia, e foi posto diante dele um banquete com finas iguarias, mas Daniel suportou o jugo na sua

“E Daniel propôs no seu coração não se contaminar com a porção das iguarias do rei, nem com o vinho que ele bebia; portanto pediu ao chefe dos eunucos que lhe permitisse não se contaminar.” Daniel 1:8

CONCLUSÃO

O que o jovem precisa é ter o jugo do Senhor em sua vida:

  • Tomais sobre vós o meu jugo: É a escolha de ser fiel ao Senhor. Não é pesado ser fiel ao Senhor, pois sabemos que ele nos dará toda felicidade;
  • Encontrareis descanso: O pecado não dá descanso ao homem. A fidelidade a Deus permite ao homem encontrar o descanso que sua alma precisa;
  • Jugo suave: O pecado é um peso na vida do homem. O escraviza. A bênção do Senhor é que enriquece e não acrescenta

“Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.” Mateus 11:29-30

 

 

Gostou? Então compatilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *