O “EU SOU” do homem e o “EU SOU” de Deus – I Timóteo 1:15

Eu souO “EU SOU” do homem e o “EU SOU” de Deus

“Esta é uma palavra fiel, e digna de toda a aceitação, que Cristo Jesus veio ao mundo, para salvar os pecadores, dos quais eu sou o principal.”

I Timóteo 1:15

“E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós.”

Êxodo 3:14

INTRODUÇÃO

Há aqui 2 posições. Uma de homem, outra de Deus. Uma de pecador, outra de Libertador.

Duas revelações. Dois posicionamentos que são expostos para que entendamos a realidade e o projeto de Salvação.

DESENVOLVIMENTO

Porque muitas pessoas vão as igrejas e não entendem nada? Não tem a revelação de Jesus? Porque para Jesus se revelar ao homem como EU SOU é preciso que o homem reconheça: “Sou pecador.”

Veja que existe uma relação aqui. Paulo reconheceu que era pecador, por isso ele entendeu o projeto de Salvação. Há muitas pessoas que no caminho da vida ouvem a voz do Senhor como Saulo ouviu. Quantos o Senhor não curou? Quantos tiveram experiências gloriosas, porque não dizer SOBRENATURAIS, mas não entenderam o projeto de Salvação, não entenderam o EU SOU.

Não foi no momento que Saulo ouviu a voz do Senhor que ele se converteu. Ali foi a experiência. Ele poderia ter recuperado a visão e ter ido embora, como foram embora sem glorificar a Deus os 9 leprosos curados por Jesus. Porque? Porque Salvação é um processo. O homem precisa enxergar e reconhecer SOU PECADOR para que Jesus possa se revelar a ele: EU SOU O QUE SOU…

Foi o caso do cego de nascença. Não sabia quem era Jesus. Só sabia que tinha sido curado. Mas após assumir diante do Senhor que cria no Cristo e que queria adorá-lo (aí é o ato de dizer SOU PECADOR), então Jesus se revela: “EU SOU, o que fala contigo” .

CONCLUSÃO

Deixe Jesus se revelar a você. Ele é muito mais que uma cura, uma solução para esta vida. Ele te trouxe aqui para que você saiba que o homem é pecador mas que Ele(Jesus) É O SEU LIBERTADOR.

Bruno Rocha

Gostou? Então compatilhe

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *