Sai depressa pelas ruas e bairros da cidade…  – Lucas 14:21

Sai depressa pelas ruas e bairros da cidade… – Lucas 14:21

CONTRIBUIÇÃO CULTO DE SENHORAS

“E, voltando aquele servo, anunciou estas coisas ao seu senhor. Então o pai de família, indignado, disse ao seu servo: Sai depressa pelas ruas e bairros da cidade, e traze aqui os pobres, e aleijados, e mancos e cegos.” Lucas 14:21

O homem apresenta 3 desculpas diante Deus Pai , para não tomar lugar á mesa com Ele (Comunhão) e deixar de fazer parte do Seu Reino (Vida eterna), sem pensar na consequências da sua atitude de rejeição, ainda que feita no exercício do Livre arbítrio.

As desculpas

1º Foi ver o mundo;
2º Foi experimentar o mundo;
3º Uniu-se, comprometeu-se com o mundo:
Viu, gostou, casou (está unido). Vou casar (comprometimento)
A Atitude do Pai de Família / O Convite para os Gentios.

Quando ouviu todas aquelas desculpas de seus convidados, aquele homem ficou indignado, e disse ao seu servo:

Sai depressa pelas ruas e bairros da cidade, e traze aqui os pobres, e aleijados, e mancos e cegos. O Pai tem pressa em realizar Seu Projeto.

O MOMENTO PEDE PRESSA


SÃO VÁRIAS AÇÕES DO ESPÍRITO SANTO, APONTANDO PARA A URGÊNCIA DESSE MOMENTO E NOS CHAMANDO ATENÇÃO PARA O TEMPO QUE “SE APRESSA”.
TODOS TÊM LUGAR NO REINO E O PAI TRABALHA PELA INCLUSÃO DE TODOS NO REINO. A OBRA TEM VIVIDO ESTE MOMENTO COM VÁRIOS TRABALHOS E AS SERVAS ESTÃO ATENTAS!

Como na saída do Egito, a Igreja tem consciência do momento que está vivendo, pois tem um tempo para tudo se cumprir.
Ali deveriam comer apressadamente, pois o intento de Faraó é escravizar o povo de Deus neste mundo, desviando do propósito eterno para que venham COMPRAR,VER E CASAR, comprometendo-se com este mundo que ficará para trás, ficará de fora do

Reino, aquém do Mar Vermelho e da Terra Prometida.
É uma Igreja que se apressa, não procrastina, na realização daquilo que o Espírito Santo tem determinado e as revelações têm se multiplicado a respeito, para irmos ao encontro das almas necessitadas e estamos atentas a isso, no cuidado com aqueles que têm chegado ao nosso meio!

POBRES – São aqueles que não têm nada.
Os judeus nasceram dentro de uma família que tinha toda a orientação referente às coisas de Deus.
Tem pessoas que nasceram em berço evangélico, essa era a sua riqueza. Nós éramos os pobres porque não tínhamos esta riqueza.

ALEIJADOS – São aqueles que têm que ser carregados. Não anda sozinho.

MANCOS – São os que não andam corretamente, eles não andam em linha reta. Nós também não acertávamos o Caminho. O que coxeia entre o Caminho e outros caminhos. Não pisa firme. Inconstante no entendimento.

CEGOS – São aqueles que não veem nada. Não conhecem O CAMINHO e você tem que ensinar: JESUS É O CAMINHO.

SÃO ESSES, QUE O SENHOR ESTÁ SALVANDO NESTA ÚLTIMA HORA, COMO NÓS FOMOS UM DIA. DEVEMOS LUTAR POR PRESERVAR NOSSA SALVAÇÃO, AQUELES QUE RECEBERAM O CONVITE DE INÍCIO, ISSO NÃO LHE DÁ GARANTIA DO REINO, NÃO O TORNA DONO DO REINO: “ESTOU SALVO!” ISSO NÃO EXISTE: ”QUEM CRER, SERÁ SALVO”

Paulo diz: “Para ver se de alguma maneira posso chegar…não acho que o tenha alcançado…mas prossigo para alcança-lo” (Filipenses 3:11,12)

”FORÇA-OS A ENTRAR”

2ª Providência de Deus:
Muitas vezes surge um problema (enfermidade, dificuldade, desemprego) na sua vida, devido uma providência de Deus. Um Juízo de misericórdia, BONDADE INFINITA DO SENHOR E SEU DESEJO DE LEVAR O HOMEM PARA A ETERNIDADE, te “forçando” a ir para a Igreja, ouvir Sua Palavra, sentir o toque do Espírito Santo que te convence do PECADO, DO JUÍZO E DA SUA JUSTIÇA ATRAVÉS DE JESUS para assim estar no Seu banquete na eternidade.

Foi assim que nós chegamos à presença do Senhor, e é preciso estar nesta condição para receber o convite e participar da festa. Nós não tínhamos nada, mas o Senhor, pela sua infinita misericórdia, nos chamou para participarmos da sua ceia e nos assentarmos com Ele à sua mesa farta. Nós aceitamos o convite e isso foi importantíssimo para nós, nós valorizamos aquilo que o Senhor nos deu, o convite foi superior a tudo que está ao nosso redor.

Nós estamos no campo do Senhor, os poderes terrenos não nos prendem, eles não nos impede de aceitarmos o convite. O nosso compromisso não é com a carne, mas nós estamos comprometidos com o Senhor.

Porém o JUÍZO virá e este é sério, pois a oportunidade passará para sempre. A porta da Graça se fechará:

“Porque eu vos digo que nenhum daqueles homens que foram convidados provará a minha ceia”. Lucas 14:24¨


botaodownload
Link de DOWNLOAD para Usuários Premium
Faça login!

Mais conteúdo

O Servo vigilante – Lucas 12:35-48

haja luz… – Gênesis 1:3

Quem é esta que aparece como a alva do dia? – Cantares 6:10

Profeta Jonas – Mateus 16:17

Valentes e suas Características – I Crônicas 12:8

A parte dos bens – Lucas 15:12a

O Evangelho de Mateus – O Rei dos Judeus

A Riqueza das Bodas – Mateus 22:09

A certeza do descanso – Culto das Senhoras

Por que aquele homem nasceu cego? – João 9:1-7


Gostou? Então compartilhe

Deixe um comentário

Novidades do site

Assine e confirme no seu email