A primavera de Raabe – Josué 2:1,8-23

A primavera de Raabe – Josué 2:1,8-23

A PRIMAVERA DE RAABE

Josué 2:1,8-23   “E Josué, filho de Num, enviou secretamente, de Sitim, dois homens  a espiar, dizendo: Ide reconhecer a terra e a Jericó. Foram, pois, e  entraram na casa de uma mulher prostituta, cujo nome era Raabe, e dormiram ali…”

INTRODUÇÃO

Israel estava  prestes a possuir a Terra Prometida. E  a iminência desse momento fez que com Josué, líder do seu povo, organizasse um projeto e enviasse dois espias para observar a cidade de Jericó, a primeira cidade que deveria ser conquistada, conforme a ordenança do Senhor.

Os dois espias chegaram a Jericó e uma mulher pecadora  (todos da cidade sabiam da sua fama pecaminosa), por nome Raabe, os recebeu em sua casa e os escondeu dos seus adversários. Raabe somente  os escondeu porque no seu coração já havia o reconhecimento das grandes obras de Deus, ela já tinha ciência de tudo que Deus realizou no meio do povo de Israel.

DESENVOLVIMENTO

Nós vivemos um momento importante para Deus: a iminência da segunda vinda de Jesus. Os sinais estão visíveis, no céu, na terra e no mar. Assim como todos os sinais que Deus fez no deserto, em meio ao Seu povo. Deus também  tem Revelado hoje um projeto de Salvação para a sua igreja, esse Projeto se apresenta na pessoa de Jesus, que a nós é revelada pelo Espírito Santo.

Josué, naquilo que não pecou, é tipo do Senhor Jesus. Seu nome significa “Deus é Salvação”. Josué estava  em Sitim, que significa acácia, mesma madeira usada nos utensílios do tabernáculo, revestida de ouro, apontando  a humanidade de Jesus, mas que seria revestida de Glória, pois Jesus venceu o maior inimigo do homem, a morte.

Jesus se fez homem, entregou-se  e morreu para nos enviar o Espírito Santo (2 espias). É o Espírito Santo quem liga novamente o homem à comunhão e à intimidade de Jesus.

Valores morais

Raabe era uma mulher de conduta contrária aos valores morais de qualquer sociedade, estigmatizada e excluída da  sociedade de Jericó. Mesmo assim aqueles homens enviados por Josué entraram em sua casa. Assim é o Espírito Santo. Jesus não veio para os sãos, Ele veio para os doentes.

E por mais que o exterior de alguém esteja tão corrompido como o de Raabe, em seu coração o Espírito Santo achou morada, redimiu seus erros e transformou o seu coração, uma vez que Raabe já reconhecia a grandeza do Deus de Israel. Ela atribuiu todos os milagres que Israel viveu no deserto  à mão poderosa do Senhor.

Se hoje você crer de todo o seu coração que Deus tem poder pra mudar sua vida, o Espírito Santo vai entrar no seu coração e transformar sua história.

Raabe creu em tudo que Deus fez. O coração do povo de Jericó se derreteu,  mas o dela não: ela teve fé no Senhor. A fé é o agente de união entre Deus e o homem. O Espírito Santo é o condutor da fé da igreja fiel que subirá para a eternidade.

O pecado dela não foi empecilho para a ação do Espírito Santo em seu coração, pelo contrário, ali se concretizava uma mudança de vida, do interior até o exterior. A partir desse momento  a vida dela foi transformada completamente. Ela agora estava à disposição do Senhor e fez tudo conforme os espias (o Espírito) lhe instruiu.

Os espias mostraram  a Raabe que a vida deles seria pela dela até ao ponto  de morrer (vs 14). Assim Jesus se ofereceu à morte por amor as nossas vidas. Eles fugiram para o monte, ficaram lá por 3 dias. Assim é o Espírito Santo, apontando  a morte e ressurreição de Jesus. Seu sacrifício nos deu vida abundante, nos livrou da morte.

Só através  da comunhão do Espírito Santo o homem  é capaz de entender esse mistério. Só o Espírito testifica a importância do constante  clamor pelo Sangue de Jesus em nossas vidas (fio de escarlate). Temos vivido desse mistério nessa Obra.

O Espírito nos fez entender a importância do clamor pelo Sangue de Jesus, os livramentos, o revestimento, a proteção e a salvação no poder do Sangue de Jesus.

Raabe viveu sua primavera. Teve uma nova oportunidade. Aquela noite foi para um desabrochar de uma nova vida, uma nova oportunidade. A  noite fria do deserto dava lugar a um coração aquecido e florido com as novas de salvação, com a obediência e com a fé.

O Fio de escarlate permaneceu  na casa de Raabe após a entrada  dos espias. Todos agora veem a ação  do Sangue de Jesus na sua vida.  Sua vida foi transformada, sua família  teve nova oportunidade de vida, porque ela reconheceu  a grandeza do Pai. Só recebe o Espírito Santo em seu coração quem reconhece a grandeza do Pai.

O projeto é do Pai, o filho foi enviado pelo Pai, o Espírito clama ao Pai com gemidos inexprimíveis.

CONCLUSÃO

O Pai te  ama te escolheu, te  separou, olhou para o seu coração e promoveu  para você e sua família uma tão grande Salvação. Não saia da proteção  do Sangue de Jesus. No Sangue somos identificados para herdarmos uma nova terra e novo céu, em Jesus Cristo, nosso Salvador.

Gostou? Então compartilhe

Deixe uma resposta

Fechar Menu