Eis o noivo! – Mateus 25:6

Eis o noivo! – Mateus 25:6

Eis o noivo!

“Eis o noivo! saí ao seu encontro.”

A mensagem desse texto é extremamente oportuna, dado ao momento profético em que vivemos.
O texto diz que a hora em que o noivo chegou para consumar o casamento era meia noite.

As noivas o aguardavam desde o inicio da festa e esse era o momento mais importante – a chegada do noivo. Naquela cultura era a noiva quem esperava pelo noivo. Ele era a pessoa mais importante da festa e a consumação do casamento acontecia na sua chegada,

Meia noite é o momento em que vivemos. É o momento mais escuro da noite, simbolizando as trevas espirituais em que o mundo se encontra. Os valores invertidos, a violência batendo às portas. A justiça deturpada, o direito distorcido.

Assim como Israel saiu do Egito à meia noite, deixando aquele país em grandes trevas, a igreja sairá desse mundo a encontrar-se com Jesus, que a levará para a sua eternidade.

O grito da atalaia tem dois momentos. O primeiro é um aviso, o segundo é uma ordem.

1 – Eis o noivo!
2 – Saí ao seu encontro.

1 – Ouvir o grito, todos estão ouvindo.
Os sinais dos tempos que foram profetizados para o momento da saída da igreja se cumprem todos em nossos dias.
O mundo inteiro fala, mesmo que não creia, que Jesus está voltando.

2 – Se a profecia contida no grito é do conhecimento de todos, o preparo e a disposição para atender a ordem – saí ao seu encontro – não é para todos.
– Para sair ao encontro do noivo (Senhor Jesus) é necessário enxergar o caminho – e a hora é de trevas.
– Para enxergar o caminho é necessário ter luz. Por isso as noivas tinham candeias.
– Para as candeias estarem acesas é necessário ter azeite.

  A candeia é o homem e o azeite é o Espírito Santo. Se o homem tem o Espírito Santo, terá luz, se não tem o Espírito Santo não é possível ter luz.

  É a luz do Espírito Santo, que conhecemos por revelação, que mostra o caminho.

A mensagem desse texto é um importante conselho ao homem, à igreja que conhece a profecia.

  • O noivo está vindo!
  • Para sair ao encontro é preciso ter candeia acesa.
  • Se não existe azeite para acender a candeia, ide “antes” (que Ele venha) e comprai. É sem dinheiro e sem preço (como disse Isaías: é de graça). É para quem quer. É só pedir.

“Estejam cingidos os vossos lombos, e acesas as vossas candeias. E sede vós semelhantes aos homens que esperam o seu senhor, quando houver de voltar das bodas, para que, quando vier, e bater, logo possam abrir-lhe.”

(Lucas 12:35-36)


Gostou? Então compartilhe

Deixe um comentário