Agenda 2015 para Grupo de Senhoras

A Agenda 2015 para Grupo de Senhoras foi desenvolvida para facilitar a organização do trabalho das senhoras a frente. Agenda possui: Calendário do ano de 2015; Escala Anual de Flores; Escala de frequência das Senhoras; Espaço para Mensagens, Dons Espirituais, textos de consulta e escala de Aniversário das Senhoras.

Image not available
Image not available
Image not available
Image not available

Produto Exclusivo!

Você maneja bem a Palavra de Deus?

We’re two enthusiastic guys from Hungary.

São 359 páginas de vasto conteúdo para o Obreiro utilizar como ajuda nos seus estudos da Palavra de Deus. Os 117 Esboços Bíblicos trazem diversos tópicos para desenvolver suas próprias mensagens, e sem falar das 300 Ilustrações bíblicas que vai enriquecer as mensagens aplicadas.

Image not available
Image not available

A Coletânea do Obreiro novato!

We’re two enthusiastic guys from Hungary.

A Coletânea de Mensagens Bíblicas tem como objetivo de fornecer orientações e modelos de mensagens para o Obreiro Novato. As mensagens não são para serem lidas ou decoradas, mas para dar ao obreiro uma noção de como iniciar sua mensagem e terminá-la de forma clara. Além de ensinar como se comportar no púlpito e entre outros detalhes que infelizmente não são passados aos obreiros novos.

Image not available
Image not available

Mensagens A.T.

A FORNALHA - Daniel 3:24 e 25

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

A FORNALHA

Daniel 3:24 e 25

O rei Nabucodonosor - Rei que dominou o mundo antigo por certo período, fez uma estatua de ouro de aproximadamente 30 m de altura e 6 m de largura. Coloco-a num vasto campo, o campo de Dera, na província de Babilônia. Orientou que todos os grandes do seu governo viessem à consagração da estatua e que quando os instrumentos tocassem todos se ajoelhariam e adorariam o colosso.

Se não, seria lançado numa fornalha de fogo ardente. Havia ali no seu governo Sadraque, Mesaque e Abdinego, judeus, servos do Senhor que não obedeceram aquela orientação e por isto foram chamados perante o rei. O rei então dá-lhes uma nova chance e se eles não se prostrassem ao som dos instrumentos, seriam lançados na fornalha.

Disse o rei: “E quem é o Deus que vos poderá livrar das minhas mãos?”

Os servos então responderam: Dan. 3:17

-  Eis que o nosso Deus a quem nós servimos é que nos pode livrar; Ele nos livrará do forno de fogo ardente e da tua mão, ó rei.

-  E, se não, (se Ele não quiser livrar) fica sabendo, ó rei, que não serviremos a teus deuses...

O rei fica enfurecido e manda que se aqueça a fornalha 7 (sete) vezes mais, que os servos sejam atados e lançados na fornalha.

O fogo era tão intenso que as chamas mataram os soldados que lançaram os servos na fornalha. O rei então levanta-se apressadamente e fala aos seus capitães:

Dan. 3:24 - “Não lançamos nós três homens atados dentro do fogo? Responderam e disseram ao rei: É verdade, ó rei.”

V. 25 - Respondeu, e disse: “Eu, porém, vejo quatro homens dentro do fogo e nada há de lesão neles; e o aspecto do quarto é semelhante ao filho dos deuses.”

Muitas vezes o Senhor não nos livra da fornalha da aflição mas o Senhor nos livra dentro dela.

Através do fogo da prova de Deus, o Senhor quer nos amadurecer na sua presença; nos ensina e nos fortalecer.

Quando nós entendemos isto, podemos falar como os servos: “O nosso Deus a quem nós servimos, Ele pode nos livrar, mas se não quiser, nem assim serviremos a outros deuses.”

Falamos como Jó quando a sua esposa disse: “Amaldiçoa o teu Deus e morre!” Ele então responde: “Falas como uma louca”. Então a nossa palavra será esta: “O Senhor deu, o Senhor tirou”. Louvado seja o nome do Senhor.

Quando assumimos esta posição o Senhor vem e coloca-se dentro da fornalha conosco e faz conosco o que fez com aqueles três servos:

-  ...Vejo 4 (quatro) homens soltos: O Senhor tirá as nossas ataduras, libertando-nos para glorificarmos o seu nome.

-  ...Que andam passeando dentro do fogo: nós podemos andar erguidos passeando com Ele, realizando a sua Obra. As lutas, as provas não podem nos abater e não podem fazer com que paremos na caminhada, nos prostrando.

-  ...E nada há de lesão neles: Na fornalha da aflição nós podemos dizer: O Senhor refrigera a minha alma. Ele tem curado as minhas feridas.

-  ...E o aspecto do quarto homem é semelhante ao filho dos deuses.

Quando aqueles homens saíram da fornalha, nenhuma lesão havia neles, nem nas suas vestes e nem um fio dos seus cabelos estavam queimados. Nenhum sinal havia que mostrasse que eles passaram pela fornalha, mas no interior eram agora homens marcados, transformados, não porque tivessem sido marcados pelo fogo, mas porque eles tiveram uma experiência com o Filho do Deus vivo.

O Senhor Jesus revela-se a eles glorificado (...o aspecto do 4º homem é semelhante ao filho dos deuses).

Alí eles, haviam passeado com o Senhor Jesus, lado a lado. Naquele meio hostil que poderia a todo e qualquer instante causar pavor, eles participaram de uma intimidade profunda com o Senhor Jesus, e de um gozo sem par.

E estejamos certos que naquela experiência o momento que mais marcou os servos, não foi quando o rei ordenou que eles fossem tirados da fornalha, mas foi quando eles viram o Filho do Deus vivo com toda a sua glória.

É nos momentos de prova que temos as maiores experiência, com o Senhor. É quando o Senhor pode revelar a nós com mais intimidade a sua glória. E o servo que tem uma experiência profunda com o Senhor ele é marcado, ele é transformado porque o fogo do Espírito Santo forjou o seu interior.

É um mistério maravilhoso passear com o Senhor e glorificar o seu nome na fornalha da aflição.

Podemos imaginar os brados de glória e aleluias daqueles homens ao verem o Senhor.

Лучшая в Киеве гидроизоляция подвала