Cantares 2:5 – Desfaleço de amor

Cantares 2:5 – Desfaleço de amor

maca

 

Tema: DESFALEÇO DE AMOR

“Sustentai-me com passas, confortai-me com maçãs, porque desfaleço de amor.”

Cantares 2:5

 

INTRODUÇÃO

Vemos hoje uma igreja que sofre as aflições da vida. Sofre pela sua fé. Para guardar a fé. Ela desfalece não por conta dos seus interesses, não pelo sofrimento comum da vida, mas ela desfalece de amor, ou seja, o nosso EU morre todos os dias, nossa carne. Mas por amor ao Senhor. Porque estamos cheios desse amor que é tudo para nós.

DESENVOLVIMENTO

Você meu irmão, minha irmã, que tem o lar incompleto, que é perseguido no trabalho só porque é crente, só porque serve a Deus. Que nega o mundo e todo o seu pecado, você está desfalecendo pelo amor dos amores. Você sofre pelo amor de Jesus. Você suporta pelo amor de Jesus. A igreja desfalece, mas de amor, pela fé.

Ela precisa ser sustentada e confortada. Ela faz um pedido:

Sustentai-me com passas

Afinal, o que sustenta a igreja nesta última hora? As passas (uva seca, diferente das passas dos nossos dias) eram alimentos usados por viajantes naquela época que viajavam longas jornadas. Segundo o costume, as passas os sustentavam durante toda a longa e exaustiva caminhada em desertos onde não havia muita comida. Era um alimento que tinha um efeito interessante no corpo, pois dava vigor e fortalecia contra o cansaço.

Meus amados, somente uma coisa sustenta o servo de Deus na caminhada hora: As experiências. Somente as experiências marcam nossas vidas, somente as experiências não nos fazem desistir, são elas que definem, que fortalecem.

Confortai-me com maçãs

A macieira era uma árvore que, além de ter uma grande largura em suas folhas usada como sombra nos desertos pelos viajantes, dava um fruto (maçã, também diferente das da nossa época), que proporcionava alívio e calma. Este fruto era muito doce. Um doce diferente dos outros frutos, por isso tinha característica terapêutica, tal era o sabor prazeroso que tinha.

As maçãs são as operações do Espírito Santo: libertação, consolo, renovo, encorajamento e etc. Não é a palavra de um colega que nos conforta, uma notícia boa, algum lazer, uma condição material superior, mas são as operações do Espírito Santo através do clamor pelo poder do sangue de Jesus. Só Ele nos conforta. Só quando Ele opera, ou seja, somos confortados quando o sangue de Jesus opera em nós.

CONCLUSÃO

Nesta última hora, em meio a um caos que vive o mundo, em meio ao desespero que vive o homem, o amor do Senhor está vivo em nós, estamos cheios deste amor. Desfalecemos todos os dias por ele. E é o sustento das nossas experiências e o conforto da operação do seu Espírito que nos torna vencedores.

 

Mais artigos:

Efésios 3:17,18 e 19 – AMOR DE DEUS

Ilustrações Bíblicas – A Força do Amor

Meditações – O AMOR DE DEUS PELOS HOMENS

AMOR FORTE = JESUS Cantares 8:6

 

 

 

 

 

 

Gostou? Então compartilhe

Deixe um comentário

Novidades do site

Assine e confirme no seu email