Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views :
img

Minhas provas – II Samuel 18:11

PORQUE AS MINHAS PROVAS AINDA EXISTEM?

“Então disse Joabe ao homem que lho fizera saber: Pois que o viste, por que o não feriste logo ali em terra? E forçoso seria o eu dar-te dez moedas de prata e um cinto.”
II Samuel 18:11

INTRODUÇÃO

A ordem do rei era para não matar Absalão. Joabe ouviu bem esta ordem. No meio da batalha, surge uma oportunidade diante de Joabe, e ele escolheria seguir a ordem do rei ou o seu coração.

DESENVOLVIMENTO

Meus irmãos, nós como servos, ao longo da nossa caminhada, nos deparamos com muitas situações em que somos provados, e que temos a escolha de pecarmos sendo infiéis a Deus, a escolha de seguirmos nosso livre arbítrio.

A ordem do rei é um tipo da vontade e direção do Senhor para nós, que muitas vezes resistimos em cumprir.

Absalão – As provas
Absalão é um tipo das provas que vivemos, não gostamos, muitas vezes não aceitamos, queremos exterminar as provas, porque dói, machuca, ninguém gosta de provas, há até muitos crentes que acham que elas são más, que fazem mal, que perseguem. Devem morrer! Devem ser exterminadas.

Mas a ordem do rei é: “Não mate Absalão!” ……. “Não se livre das provas, não seja infiel, não extermine as provas, não combata contra elas, aceite minha ordem” .

Um homem – O Espírito Santo
Aquele homem alerta a Joabe que estava diante dele a oportunidade de matar Absalão, mas o alerta para o perigo de desobedecer a ordem do rei, ele zelou pela ordem do rei.

O Espírito Santo nos mostra, nos conscientiza quando estamos diante de uma prova, nos aconselha a não desobedecermos, nos lembra a ordem do Rei, nos ensina que preço nenhum é maior que ser fiel a ordem do Rei da glória. Nos mostra as situações, investidas que surgem para nos fazer sair da prova, sair da posição de servos e sermos infiéis a Deus.

O que o adversário quer e que você não aceite a prova e seja infiel a Deus

Muitos fazem como Joabe. Não querem Absalão vivo, Absalão é mal. As provas são más, fazem sofrer. Mas a ordem do rei é para poupar Absalão.

Muitos não aceitam o conselho do Espírito Santo, e escolhem seguir o conselho do seu coração, e fazem o que acham melhor.

CONCLUSÃO

Por que, Espírito Santo, porque não tiraste minha prova? Porque ela ainda existe? Pois que a viste e por que a não feriste logo ali em terra?

“…forçoso seria o eu dar-te dez moedas de prata e um cinto.”
É o crente que acha que é forçado a adorar a Deus, que só deve adorar a Deus se a prova morrer, se o sofrimento que faz mal morrer, se as lutas morrerem, então ele se acha forçado a glorificar.

Deus é Deus. Não adoramos pelo que Ele faz, o adoramos pelo que Ele é. Não o adoramos forçadamente, não o adoramos somente se Ele resolver nossos problemas, não o adoramos somente se Ele tirar as provas, o adoramos pelo que Ele é , o adoramos obedecendo a ordem do Rei da glória .

Bruno Rocha
Maceió/AL

Gostou? Então compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • Pinterest
  • Buffer

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This div height required for enabling the sticky sidebar