Ana, por que choras? – I Samuel 1:8

ANA, POR QUE CHORAS?

I Samuel 1: 8

INTRODUÇÃO

A Palavra fala a respeito de um homem de Ramataim-Zofim, da região montanhosa de Efraim, de nome Elcana, o qual todos os anos subia com sua família a Siló para adorar e oferecer sacrifícios ao Senhor Deus dos Exércitos.

Elcana tinha duas mulheres; uma se chamava Penina e a outra Ana. No dia em que Elcana oferecia sacrifício, dava porções dele a Penina e a todos os seus filhos, mas para Ana, ele sempre separava uma porção dobrada, porque a amava. No entanto, Ana não se sentia feliz, pois ela era estéril e não podia gerar filhos. Por causa disso, Penina a irritava em demasia, aumentando mais e mais a sua infelicidade. Todas as vezes que subiam a Siló, ano após ano, acontecia isso.

Apesar de tudo que seu marido lhe fazia, Ana não comia; ela chorava o tempo todo e se lamentava. Ela não olhava para o que tinha recebido de Elcana; seu amor e a forma como a tratava, mas só se lamentava e só olhava para aquilo que não tinha, que era um filho. Elcana significa “Possessão de Deus”, e Ana quer dizer “Graça”.

DESENVOLVIMENTO

Existem muitas pessoas que estão na Obra hoje em dia, e que têm agido da mesma forma que Ana. O amor e a graça de Deus têm sido derramados nas suas vidas a todo momento, mas elas não percebem isso, não atentam para o que o Senhor tem lhes dado – a salvação, a vida eterna, os livramentos, as revelações, o sustento, etc. – e só vivem se lamentando e chorando.

As pessoas que vivem assim, só olham para suas dificuldades e problemas; as suas lutas ocupam seus pensamentos e o seu coração o tempo todo, por isso vivem angustiadas. Quando vão ao culto não se libertam através do clamor pelo Sangue de Jesus, não glorificam ao Senhor e não se alimentam da Palavra Revelada. No final do culto sempre procuram o pastor ou os diáconos para falar dos mesmos problemas, para chorar e se lamentar. Os cultos não têm nenhum objetivo para elas, pois não tomam posse do clamor e da libertação que há no Sangue de Jesus, e também da vitória que é proclamada em cada culto.

Davi foi um homem de grandes lutas na sua vida; ele enfrentou de tudo na sua caminhada, no entanto, ele escreveu no Salmo 103: “Bendize ó minha alma ao Senhor, e não te esqueças de nenhum dos seus benefícios…”.

Elcana tipifica o Senhor Jesus, e Ele pergunta a esses servos, a mesma coisa que Elcana perguntou à sua mulher Ana:

Por que choras?

A Bíblia diz que a “alegria do Senhor é a nossa força”. Se nós buscarmos nos alegrar no Senhor, seremos fortalecidos pelo espírito Santo. As lutas existem, mas o mergulhar em depressão e tristezas não vai ajudar em nada, só vai piorar a situação.  

Por que não comes?

O nosso alimento é a Palavra Revelada e se a pessoa não se alimentar dela, por estar triste e abatido, vai terminar definhando e morrendo. Em todas as situações devemos buscar o fortalecimento da nossa fé através da Palavra de Deus, pois ela é quem nos mantém vivos espiritualmente. A Palavra na letra é a porção que muitos têm recebido, mas o Senhor tem nos dado porção dobrada, que é a Palavra que está além da letra – a Palavra revelada.  

Por que estás de coração triste?

O coração do homem é enganoso, quem o conhecerá? Diz a Palavra. Nunca devemos nortear nossa vida pelos sentimentos do nosso coração, pois muitas vezes o mal e a tristeza se abrigam no seu interior, nos levando a viver uma situação aparente e irreal, não permitindo que enxerguemos a verdade e o bem que o Senhor tem nos feito.  

Não te sou eu melhor do que dez filhos?

Ana tinha tudo, mas só olhava para aquilo que lhe faltava. Muitos servos também têm agido assim; não reconhecendo o quanto são abençoados pelo Senhor, e só contemplam sua lutas e aquilo que lhes está faltando. Isso leva à ilusão de que Deus não as ama e se esqueceu delas. É importante atentar para a oração profeta Habacuque.

CONCLUSÃO

A Palavra diz: “Agrada-te do Senhor, e ele satisfará o desejo do teu coração”.

Naquela situação Ana estava caída e prostrada; mas quando deu ouvidos às palavras de Elcana, ela se levantou, comeu e bebeu e depois orou ao Senhor. A partir daí, sua vida começou a mudar, e no lugar da angústia surgiu a alegria, pois o Senhor respondeu às suas súplicas e aquilo que ela tanto almejava lhe foi concedido.

Ana pôde então entender, que tudo que estava passando era uma forma de o Senhor operar uma grande bênção na sua vida. É necessário ouvirmos a Palavra do Senhor e obedecê-la, porque somente a partir daí, é que vamos alcançar a vitória.


botaodownload

Mais conteúdo

A parábola de Jotão – Juízes 9:7-15

A morte na panela – II Reis 4:38-41

Só o Senhor nos faz habitar em Segurança – Salmo 4:6-8

A fornalha – Daniel 3:24 e 25

À hora da ceia – Lucas. 14:17

Firma bem as estacas – Isaías 54:2-3

Eliseu sara as águas – II Reis 2:19-22

Sentido estritamente espiritual – Levítico 11

Porque tive fome, e deste-me de comer… – Mateus 25:34-36

Se quiseres, podes purificar-me – Mateus 8:2-3


Gostou? Então compartilhe

3 comentários em “Ana, por que choras? – I Samuel 1:8”

Deixe um comentário